ILUMINAÇÃO RESIDENCIAL

Atualizado: Mai 22

Charme e aconchego, tratando cada projeto de um jeito único.

#iluminacaoresidencial #luzresidencial #arquiteturaresidencial #casasdecampo #interiordesign #projetos #cursosdeiluminacao #cursosdeiluminação

Projeto de Arquitetura: Candida Tabet - Fazenda Boa Vista

Projeto de Iluminação: VM Soluções em Iluminação


Dar amplitude aos espaços, destacar detalhes e proporcionar segurança. Com alguns pequenos truques, é possível tornar o ambiente mais agradável e até economizar mais em energia. Livros; Revistas; e principalmente a Internet podem ser ferramentas bem úteis para quem pretende adequar a iluminação da sua casa, tomando as decisões com muita cautela, informação e planejamento.

Para iluminar um ambiente, o primeiro passo é fazer uma análise de sua função, estilo, atividades que serão realizadas, objetos a serem destacados e clima desejado.

Iluminação geral: define o espaço e torna-o visualmente confortável. Quando é direcionada ilumina melhor os planos de trabalho (mesas, bancadas e balcões), tornando o uso da luz mais eficiente e mais econômica.


Iluminação indireta: A utilização de colunas, abajures ou arandelas proporciona conforto visual na medida em que clareia paredes e teto. Iluminação de destaque: leva luz extra focalizada para objetos ou superfícies selecionados como quadros, estantes etc.


Iluminação de tarefas: como o próprio nome diz, é usada em áreas onde se realiza algum tipo de trabalho (ler, escrever, cozinhar, lavar, jogar etc). Mas a colocação da luminária requer alguns cuidados para que não produza sombras e nem atrapalhe a atividade. Para ler e escrever, por exemplo, utiliza-se, em geral, luz bem difusa e abundante, vinda por cima dos ombros ou pela lateral.


0 visualização

    Fones:  (11) 4153-0841  (11)99425-7449

    e-mail: vmlumini@gmail.com